UNIDADE I - TEL./FAX.: (11) 4112-0698 - 11 95727-7777
RUA AMÉRICO BRASILIENSE, 1490 - 4 ANDAR CHA. STO. ANTÔNIO  - SÃO PAULO / SP

800M METRÔ - LINHA LILÁS - ESTAÇÃO BORBA GATO

 Instituto Flavio Bock - CURSOS DE HIPNOSE CLINICA  de São Paulo, SP - CNPJ : 28.747.902/0001-05.

https://hipnoterapias.com.br

  • Facebook Round
  • YouTube - Black Circle
  • LinkedIn Round
Buscar
  • Flavio Bock

Hipnoterapia tem Tratamento para Dor

Técnicas para controle da dor

É de extrema importância saber a hora de retirar a dor de alguém. Pois é muito fácil que um sintoma de algo mais sério seja mascarado com analgesia hipnótica. O controle da dor é usando em casos onde a pessoa já possui um diagnóstico, muitas vezes até está em tratamento e usam-se essas técnicas para melhorar a qualidade de vida. Ex. pessoa que está em tratamento do câncer, que é extremamente doloroso.




Neste caso você pode usar todo seu conhecimento para ajudar.

Dores de cabeça também podem estar indicando algo mais sério, mas também podem aparecer por esforço excessivo da visão por exemplo. Você pode também usar essas técnicas para isso, mas fique atento. Se a dor de cabeça voltar dentro de 30 minutos, é necessário um acompanhamento, pois podem haver outras causas.

Técnica da pressão dos dedos

Nesta técnica pedimos permissão para o paciente para elevarmos um pouco sua dor, para que seja eliminada completamente. Exemplo com dor de cabeça.

1- Medir o nível de dor: Qual o nível de sua dor em uma escala de 0 a 10?

digamos que a pessoa responda 7

2- Permissão: Ok! Você permite que eu eleve esta dor até 8 para que em seguida tirá-la completamente?

Se a pessoa permitir, inicie!

3- Elevação da dor: Vou pressionar sua cabeça, e a hora que sua dor aumentar para

8 você me avisa, ok?

( a pessoa avisa)

4- Dissociação da dor: e você percebe que é a pressão dos meus dedos que está causando essa dor. No momento em que eu soltar esses dedos a dor sumirá imediatamente!

Solte os dedos que pressionavam a cabeça do sujeito, estale os dedos e diga: some completamente!

5- Quebra de estado: mude de assunto e pergunte algo aleatório, e depois pergunte, você estava com dor?

Obs: o que importa é o cérebro da pessoa entender que a dor foi causada pelo pressionar da cabeça e quando solta-se a pressão a dor acaba. O cérebro entende isso e libera os hormônios necessários para a pessoa não sentir mais dor.

0 visualização